• Júlia Lee e Marcus Vinicius Beck

Chamado para o ativismo digital

Cultura

Jaicle Melo dá palestra gratuita sobre como hackear sistema dentro de coletivo autônomo. Evento acontece em Juiz de Fora, no interior de Minas Gerais, e conta com streaming ao vivo pelas redes sociais

Video feito por Jaicle Melo para a divulgação da palestra Hacking do bom


Vivemos uma guerra digital, somos uma aldeia global que não aprendeu a se comunicar, pois está presa na ilusão dos algoritmos, que controlam toda a existência cotidiana. O que é hype, famoso ou trending, não necessariamente condiz com o que realmente é a pauta necessária de discussão. Os meios de comunicação online contém ferramentas para antecipar essa necessidade e contê-la com assuntos frívolos.


O capitalismo se transforma cotidianamente e a revolução pregada por Marx não será mais a mesma, pasmem: estamos em 2019 e nossa realidade é virtual. Trabalhadores do mundo uni-vos! – mas uni-vos nas redes? Então, onde podemos nos encontrar? Hoje, existem diversas pesquisas que comprovam que a sociedade moderna passa mais tempo em frente à tela do computador e do celular do que experimentando a realidade coletiva.


E é por meio da necessidade de luta coletiva dentro desse espaço chamado internet - que foi projetado em 1960 para ser uma ferramenta revolucionária e libertária, e que hoje foi transformada no principal foco de manutenção da consciência coletiva que não questiona – que precisamos agir e nos unir. Temos a necessidade de ocupar esse espaço que é nosso, gratuito e livre. Mas para fazer isso precisamos nos organizar e principalmente saber usar essas ferramentas.


Pensando nisso, o nômade digital Jaicle Melo resolveu criar uma palestra sobre ativismo digital, contando sua experiência e trocando conhecimento sobre formas de hackear a internet à usando para o bem. A palestra vai acontecer na casa autônoma coletiva Bananal, que fica em Juiz de Fora, no interior de Minas Gerais, no próximo sábado (13) e no dia 17. A palestra também estará disponível online e ao vivo por suas redes sociais.



Sobre Jaicle


Natural do Rio de Janeiro, o hacker Jaicle Melo é mochileiro, ativista e mediador cultural. Em um ano, viajou pela América Latina e percorreu mais de 5 mil quilômetros, passando por mais de 30 países. Nesta experiência, ele trocou ideia com gente de diversos coletivos de lugares como Uruguai, Argentina e Paraguai. É formado em Cinema e Publicidade e, atualmente, trampa com comunicação digital.


Link do evento: https://www.facebook.com/events/295121578052368/?__mref=mb